Respondendo algumas perguntas sobre Usabilidade

Post resgatado dos arquivos do blog. Publicado em 26 de julho de 2010.

Recebi um questionário enviado por graduandos em comunicação. Embora esteja um pouco amplo demais, sem uma indicação muito precisa do que quer ser descoberto, com problemas em algumas perguntas, e contendo outras que não me compete responder, resolvi compartilhar as minhas respostas por aqui. Quem sabe isso não ajuda mais pessoas a se informarem sobre o assunto, né?

Boa noite;

Sou Xxxxxx Xxxxxxxx, estudante de Jornalismo e integrante do grupo de TCC da Xxxxxxx, cujos objetos de estudo são Jornalismo Multimidiático e Jornalismo Institucional. Nossa peça prática será o projeto piloto de um Portal de Comunicação para a Xxxxxx.
Após pesquisas, chegamos ao seu nome para ajudar no corte teórico através de uma entrevista.
Portanto, segue, em anexo, um pequeno questionário para que você, por favor, responda e nos ajude.
Peço que me envie as respostas até terça-feira (27/07), neste mesmo e-mail. Peço também que informe o seu currículo.
Estou no aguardo. Desde já agradeço.

Como estão os estudos de usabilidade atualmente?

Acredito estarem se desenvolvendo de maneira bastante promissora. O campo está cada vez mais conhecido e mais pessoas estão colaborando, o que é bastante positivo. A Usabilidade tem ganhado mais atenção a cada novo projeto. Isso é bom para o projeto e, especialmente, os usuários.

O meio acadêmico tem mais influência ou quem dita mais as regras nessa área é o mercado e seu empirismo?

No que diz respeito a Usabilidade, mercado e academia são bem próximos. Grande parte dos pesquisadores em universidades têm um pé no mercado e grande parte dos consultores em usabilidade têm um pé na universidade. Esta ligação é uma indicação – inclusive – de credibilidade do profissional. Dessa forma, a dicotomia entre universidades e mercado não existe neste campo como em outros.

Como você vê os avanços na área?

Vejo com olhos bastante animados e esperançosos. As recentes colaborações vindas – por exemplo – da vertente do desenvolvimento ágil são bastante interessantes e prometem ajudar a popularizar o trato em usabilidade no desenvolvimento de produtos interativos.

Quais são as tendências no que tange a usabilidade hoje em dia? E o futuro, tem como prever um pouco?

Acredito que o desenvolvimento e aprimoramento / validação de técnicas e métodos de desenvolvimento ágil voltados para usabilidade ou que levem em consideração a usabilidade são especialmente promissores. Além disso, há um crescimento que deve ser olhado de forma muito positiva das abordagens que levam em conta acessibilidade e usabilidade.

Quais são os sites ou portais que você considera referência em usabilidade? Por quê?

Google é um exemplo que devemos sempre ter em mente neste aspecto. Sua mentalidade de desenvolvimento voltado para o usuário é bastante interessante. Obviamente eles erram, como todos os outros, mas estão sempre atentos e iterando a partir do feedback dos usuários. Seus produtos são desenvolvidos tendo isso em mente, o que faz deles muito eficientes.

Além de Google, enxergo a Globo.com como uma empreitada que trabalha de forma bastante interessante e efetiva o trato em experiência do usuário.

Onde entra a experiência do usuário nessa área? E os testes de usabilidade?

Entram onde os métodos e técnicas que estão sendo adotados indicam. Normalmente acontece em todo o desenvolvimento e produção de um projeto. Desde a pesquisa para a descoberta de usuários, validação de ideias, verificação da eficiência de propostas a partir de protótipos, testes com produtos em desenvolvimento e avaliação de produtos prontos.

Além da usabilidade, quais os outros conceitos que, se colocados em prática, ajudam o usuário a chegar o mais próximo o possível da “experiência perfeita” na web?

Na verdade a usabilidade envolve vários conceitos e é difícil enxergá-la como algo único. Estão contidos dentro desta grande ideia, trato em acessibilidade, procedimentos de arquitetura de informação, prototipação, validação, e por aí vai. Assim sendo, a lista de variáveis e conceitos é bem ampla. De qualquer forma, acredito que os membros de todas as equipes de desenvolvimento e produção precisam ficar bastante atentos com as demandas dos usuários e também com a validação de suas propostas, verificando, inclusive, a adequação destas junto aos usuários. Seguindo isso, é possível proporcionar excelentes experiências de uso.

O que você acha que um portal multimidiático de uma faculdade de comunicação precisa ter?

Precisa atender as necessidades dos usuários e contemplar os objetivos da instituição. Assim sendo, este tipo de descoberta deve ser feita pesquisando-se junto aos usuários do portal e, obviamente, consultando e entendendo os objetivos da instituição.

0 comments on “Respondendo algumas perguntas sobre UsabilidadeAdd yours →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *